sexta-feira, 29 de junho de 2018

Ovos que aparecem em vídeos do Facebook não são de plástico, dizem especialistas

Portal - Interessa - Belo Horizonte MG Ovos de Plastico mito ou verdade ?  FOTO: MARIELA GUIMARAES / O TEMPO 29.6.2018

A reportagem de O TEMPO ouviu especialistas em ovos que afirmaram que a informação de que ele é de plástico é falsa


Vídeos que circulam nas redes sociais levantaram dúvidas sobre um produto muito consumido pelos brasileiros: o ovo. Nas imagens, moradores de vários lugares do Brasil questionam se os produtos vendidos no país são de plástico.

A reportagem de O TEMPO ouviu especialistas em ovos que afirmaram que a informação de que o produto seja de plástico é falsa. Mesmo assim, muitas pessoas ainda estão com dúvidas em relação ao ovo.
Um dos vídeos que mais viralizou nas redes sociais é o de uma mulher que diz ser de Petrópolis, interior do Estado do Rio de Janeiro (RJ). Ela quebra os ovos e fala que eles estão com uma casca que seria de mentira e um plástico dentro do produto.
“Não tem textura nenhuma, não tem cheiro. Eles usam aromático, mas muito longe (do cheiro real)”, diz a mulher ao reclamar da gema e da clara do ovo. Ela também puxa uma película e afirma: “plástico puro. A casca é totalmente diferente do ovo da galinha”. Ela diz ainda que queimou a película e pegou fogo como plástico.
Dúvidas chegaram a Belo Horizonte
Depois do vídeo viralizar na internet muitas pessoas começaram a questionar se os ovos que elas estão consumindo é realmente verdadeiro ou falso - ou seja feito de plástico. A cabeleireira Ronilda Fagundes Silva, 53 anos, moradora da região de Venda Nova em Belo Horizonte, resolveu quebrar um dos ovos comprados por ela.
“Eu achei o ovo sem o cheiro tradicional e tive a curiosidade de olhar. Quando eu quebrei o ovo saiu a película certinha, por isso que estou achando estranho. Eu achei o ovo ralo, parecendo que estava aguado. Na hora eu acabei comendo, mas depois eu lembrei do vídeo e meu estômago embrulhou”, contou a cabeleireira.
Ronilda disse ainda que chegou a colocar fogo na película para checar se era plástico mesmo. “Eu nunca vi um ovo com película tão grossa, eu não sei se é uma outra qualidade de ovo, ou alguma experiência que estão fazendo. Eu só sei que eu achei muito estranho. Não vou comer os outros ovos da caixa mais não, porque não sei a procedência”, afirmou.
Especialistas afirmam que ovos não são de plástico
A coordenadora da Vigilância Sanitária de Saúde Pública do Rio de Janeiro e médica veterinária, Roberta Ribeiro, ressalta que a informação de que o ovo seja de plástico não procede.  “O ovo passa por todo um processo de inspeção da vigilância sanitária em todos os Estados do Brasil, não tem como um ovo de plástico chegar ao consumidor”, explica.
Ainda de acordo com ela, as características citadas como “anomalias” do ovo no vídeo, na verdade são características que podem ser causadas por uma série de efeitos externos, como a temperatura em que o produto foi armazenado ou até mesmo sua data.
“Quando o ovo está mais velho a clara vai ficando um pouco mais aguada e se mistura com a gema. É normal isso acontecer e o ovo pode ser consumido normalmente, porque suas características microbiológicas estão mantidas. O que deve ser observado é a data de validade e se o ovo estragou, mas só estar um pouco mais velho não é problema”, explica Roberta.
Sobre a membrana exibida nos vídeos e que os consumidores dizem ser de plástico,  a especialista explica que ela é uma das seis camadas que compõem a casca do ovo. “Aquela é uma membrana de queratina que funciona como uma proteção do ovo. Não tem nada de errado com ela e não é plástico”, ressalta especialista.
O médico veterinário, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e  especialista em produção de aves e ovos , Fábio Nascimento,  explica o que faz com que o ovo tenha uma casca mais grossa ou mais fina.
“O ovo da galinha mais jovem é menor e portanto tem uma concentração maior de cálcio, isso faz com que ela seja mais dura, já no caso da galinha mais velha ela vai botar um ovo maior e com menos cálcio e por isso a casca vai ser mais fina”, explicou. Ele também ressalta que os vídeos sobre os ovos não são informações falsas e não há nada de errado com o produto no Brasil.  
Ovos não vieram da China
Depois da divulgação desses vídeos começaram a surgir diversas informações nas redes sociais de que ovos teriam vindo da China e que seriam de plástico. Essa começou a ser a principal suspeita dos usuários da internet. No entanto, segundo o Ministério da Indústria Comércio Exterior e Serviço,  o Brasil não importa ovos da China.
“Não há registro de um único negócio na balança comercial entre os dois países envolvendo ovos de aves, assim como animais vivos, carnes, leites e laticínios”, informou o Ministério por meio de nota.
Um vídeo também circulou nas redes sociais sobre uma suposta fábrica na china que estaria fazendo os ovos de plástico, na verdade o vídeo é de uma fábrica que faz ovos de brinquedo para crianças e não para o consumo humano.
“Não tem como um ovo chegar ao Brasil sem inspeção em auditoria e o Brasil não importa ovos da China”, ressalta a coordenadora da Vigilância Sanitária do Rio de Janeiro.
Dicas para saber sobre a qualidade do ovo
- Para saber se um ovo está mais novo, mais velho ou estragado, uma estratégia é colocar ele dentro de uma jarra de água. Se boiar significa que está estragado, já se afundar em pé é porque está novo e se afundar deitado significa que está um pouco mais velho, mas ainda pode ser consumido sem problemas.
- O ideal é colocar o ovo na geladeira para preservar as características dele por mais tempo.
- Não se deve colocar o ovo na porta da geladeira e sim na parte de dentro. Isso porque na porta ele acaba sendo movimentado e isso faz com que ele perca suas características internas.
- Os comerciantes de ovos devem deixar o produto em temperatura ambiente para que ele conserve melhor suas características.
- Seguir sempre o prazo de validade do produto é o ideal.
- Não há problemas em lavar o ovo, caso ele esteja sujo. Não há perda de nutrientes.