quinta-feira, 6 de julho de 2017

Suspeito com carro adulterado é preso após perseguição em BH

Policiais percorreram seis bairros da capital atrás do suspeito, que foi abordado no Bairro Dona Clara, na Pampulha
Um homem de 26 anos foi preso em Belo Horizonte em uma caminhonete de luxo com chassi adulterado, na Região da Pampulha. Dentro do carro, a PM apreendeu quase R$ 2 mil em dinheiro. O suspeito foi detido após uma intensa perseguição policial que percorreu vários bairros da capital e assustou moradores da região. Um vídeo mostra o momento da prisão do homem. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), equipes patrulhavam o Bairro São Marcos quando suspeitaram de uma caminhonete Toyota Hilux Sw4 prata estacionada em uma das ruas. O veículo tinha placas de Ibirité, cidade da região metropolitana de BH. Os militares resolveram verificar o carro e perceberam que o chassi não tinha o padrão de fábrica. Eles começaram os levantamentos e descobriram que o chassi pertencia a outro veículo.

Os militares fizeram contato por telefone com o proprietário e ele disse que o carro com aquele chassi estava na garagem dele e enviou uma foto, mostrando que as características não conferiam com a Hilux. Ao retornar, os policiais encontraram o veículo em movimento e mandaram o motorista parar, mas ele não obedeceu e saiu em alta velocidade. 
Publicidade

Segundo a PM, eles percorreram ruas e avenidas dos bairros São Marcos, Pirajá, São Paulo, São Gabriel e Primeiro de Maio. Durante todo o tempo, o suspeito seguiu em alta velocidade, fazendo manobras perigosas e até subindo na calçada. O carro acabou interceptado na Avenida Sebastião de Brito, uma das principais do Bairro Dona Clara, na Pampulha. 

Um vídeo enviado ao em.com.br mostra o momento em que os policiais rendem o suspeito, identificado como Thiago Martins Francisco. A perseguição contou com um helicóptero e a ação assustou pedestres e moradores da região.

Ainda segundo a Polícia Militar, com Thiago foram apreendidos R$ 2.804 em dinheiro, vários comprovantes de depósito e um celular. Ele não soube explicar a origem do dinheiro e dos papéis. O veículo foi removido para o pátio e o suspeito foi levado para a delegacia do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). 


Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...