quarta-feira, 5 de abril de 2017

Pimentel concederá reajuste do piso aos professores

Resultado de imagem para pimentel
O governador Fernando Pimentel (PT) deve encaminhar em junho à Assembleia Legislativa de Minas projeto de lei reajustando o piso dos professores. O reajuste terá data retroativa a janeiro deste ano, conforme acordado com a categoria. O pagamento será feito no início do próximo ano. 

Ainda no segundo semestre, os professores devem receber a última parcela do abono, que será incorporado aos vencimentos no ano que vem. As informações são de fontes do governo. 
O piso nacional foi reajustado em 7,64% em janeiro deste ano. Em Minas, são cerca de 300 mil profissionais entre ativos e inativos. 

Quando assumiu o governo, Pimentel prometeu adequar a categoria no piso nacional, o que ocorreria até 2018. 
Parte dos profissionais em Minas está em greve, mas em virtude da luta contra a reforma da Previdência. 
O projeto de lei, que será encaminhado em junho, é um importante passo para a gestão petista, na medida em que pode manter calma a categoria no ano em que Pimentel disputará a reeleição. 

Secretarias
O PSB e o PSD podem ganhar secretarias no governo estadual. Conforme adiantei ontem, o primeiro partido é sondado com vistas a 2018. Na mesa está a Secretaria de Esportes, que pode ser ofertada ao deputado estadual Antônio Lerin. 
Já o PSD pode ganhar espaço na administração de Fernando Pimentel fazendo com que o suplente e ex-deputado Pinduca retorne à Assembleia, um anseio do prefeito de Betim, Vittorio Medioli (PHS). <EM>

Pressão
Deputados estaduais fazem pressão hoje para que o governo do presidente Michel Temer (PMDB) aceite negociar o encontro de contas, que permitiria a Minas zerar a dívida com a União. 
O governador Fernando Pimentel cobra mais de R$ 100 bilhões devidos aos Estado relativos às desonerações da Lei Kandir. Será criada na Assembleia uma Comissão Especial para tratar do tema. O Ministério da Fazenda está relutante em aceitar o encontro de contas, por isso, a ideia é pressionar o quanto der. 
Autismo
Para não passar em branco o Dia Mundial de Conscientização do Autismo (no último domingo): Foi aprovado na Assembleia projeto de lei de autoria do deputado Duarte Bechir (PSD) criando no Estado a Semana de Conscientização do Autismo. 

Chacota
O colunista da Forbes, Kenneth Rapoza, defendeu a reforma da Previdência brasileira em artigo publicado neste mês pela revista. No entanto, a ironia não foi deixada de lado. O título da coluna é “Os brasileiros não trabalham após os 65 anos de idade. E ponto final”. 
Bom mesmo é trabalhar em um país com taxa de juros perto de zero, inflação idem e uma moeda fortíssima. Para quem tem Trump como presidente, criticar o Brasil pode parecer fichinha.