quinta-feira, 20 de abril de 2017

Cães ajudam bombeiros a localizar idoso perdido em mata

idoso perdido em mata

O senhor de 62 anos, que tem problemas psiquiátricos e entrou na mata por volta de meia-noite de quarta-feira (19), foi encontrado após mais de 15h pelos cães da corporação
Um idoso de 62 anos passou mais de 15 horas perdido em uma mata de Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, e só foi localizado na tarde de quarta-feira (19) graças aos cães Thor e Bolt do Corpo de Bombeiros. 
Conforme informações da corporação, o senhor tem problemas psiquiátricos e, por volta de meia-noite, teve um surto e entrou na mata conhecida como Ribeirão da Mata, no bairro Rosaneves. Na manhã seguinte os familiares dele iniciaram as buscas, porém, com dificuldades em localizá-lo, acionaram os bombeiros por volta das 15h. 
Uma equipe do pelotão de Busca e Salvamento com Cães se deslocou imediatamente para o local e, após cerca de 1h de intensa procura, um dos cães sinalizou que havia encontrado o idoso. Ele estava deitado no meio de um capim a aproximadamente 400 metros da entrada da mata. 
A vítima estava consciente, mas encontrava-se desidratada e com algumas escoriações pelo corpo. Uma outra equipe dos bombeiros socorreu o homem para o hospital São Judas Tadeu, também em Neves. 
Ainda segundo os militares, o trabalho foi bem complicado uma vez que os familiares não sabiam exatamente onde o idoso entrou na mata. Além disso, a vegetação estava bastante densa em alguns pontos, o que dificultava o deslocamento da equipe. 
Ainda de acordo com os bombeiros, os cães da corporação já possuem grande experiência nesse tipo de resgate, assim como encontro de cadáveres e localização de vítimas em desabamentos. Sem os animais, o idoso dificilmente teria sido localizado e a ocorrência poderia ter sido uma tragédia.

Câmara dos Deputados promove degustação de queijos mineiros

Evento foi articulado pelo presidente interino Fábio Ramalho (PMDB) e terá a participação do governador Fernando Pimentel (PT)