quinta-feira, 16 de março de 2017

"BANDIDO QUE CONFRONTAR PM PODE VIR A ÓBITO", AVISA NOVO COMANDANTE DA PMMS.


O novo comandante da PMMS (Polícia Militar de Mato Grosso do Sul) Jorge Edgard Júdice Teixeira, declarou após cerimônia de posse nesta segunda-feira (29) que não orienta os policiais a reagirem, mas que não pode impedi-los de se defenderem.

“Se eles (bandidos) fizerem a opção de confronto com a PM, o resultado pode ser esse, de vir a óbito”, respondeu, ao ser questionado se há ordens do comando ou do Governo para matar bandidos.

“Pedimos o tempo todo para que a população não reaja a assaltos, porque nesses casos o elemento surpresa é o bandido. Mas o mesmo recado tem que ser recebido pelos bandidos, porque o elemento surpresa é a polícia. Ao invés de dizer ‘perdi’, o policial pode resolver reagir”.

Para o comandante, não há abuso nas operações. “Os resultados as avaliações de boletins de ocorrência e nos inquéritos policiais mostram que quando há dois ocupantes e um deles está armado e resolve reagir, a reação da polícia é para quem usa o armamento e para o outro, não”.

A única regra dada, segundo o comandante, é cumprir a lei. “Cumpra-se a lei, ou seja, prenda. Mas não posso dar a ordem ao meu policial para ele não se defender”, concluiu.

Casos

Entre os 20 últimos dias de dezembro e início de janeiro de 2016, sete pessoas foram mortas em confronto com a Polícia Militar de Mato Grosso do Sul.

No dia 13 de janeiro, dois jovens morreram após troca de tiros em abordagem no bairro Vida Nova. Na véspera de Natal, um policial à paisana matou um suspeito de assalto em uma conveniência na avenida Coronel Antonino.

Durante a troca de tiros, um cidadão foi atingido e morreu. No dia 28 de dezembro, dois suspeitos de matar o estudante Thiago da Cruz, durante um roubo, foram mortos em troca de tiros com o Choque, no bairro Aero Rancho.

E no dia 30 de dezembro, outros dois jovens foram mortos ao reagir à abordagem da PM no anel rodoviário, no bairro Dom Antônio Barbosa.

Fonte: Midiamax/Policial BR

Dez pessoas são presas em operação contra o tráfico no Cabana

Além dos detidos, PM apreendeu quase R$ 100 mil em espécie