quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

COMANDANTE DO 35O.BATALHÃO REFORÇA PREVENÇÃO COM DICAS DE SEGURANÇA PARA AS COMPRAS DE NATAL



Ten.Cel Walter Anselmo –  Comandante do 35o. Batalhão
Foto: Arquivo Virou Notícia


Medidas simples adotadas por consumidores e lojistas em Santa Luzia podem evitar ação de criminosos nestes dias que antecedem o natal 
O vai e vem constante das pessoas nas lojas, neste período do Natal, atrai a atenção de criminosos. Por isso, a Polícia Militar de Minas Gerais lançou no último dia 6 a “Operação Natalina” que visa dar maior segurança tanto para clientes quanto lojistas. Além disso, medidas simples de prevenção, recomendadas pela PM, devem ser adotadas no intuito de evitar a ação criminosa.
De acordo com o comandante do 35o. Batalhão da Polícia Militar (BPM), Tenente Coronel Walter Anselmo Simões Rocha, que está à frente do policiamento da cidade desde fevereiro, a ação começa com a desatenção das pessoas. “Hoje a criminalidade visa muito os celulares. O infrator está sempre de olho nas pessoas distraídas. A nossa recomendação é não ficar com o celular à mostra, deixar o aparelho bem acondicionado durante as compras”, orienta.
Outra recomendação é evitar  carregar grande quantidade de dinheiro, dando preferência para os cartões. “O cidadão deve levar apenas a quantia necessária e evitar grande volume nos bolsos que pode ser um atrativo para os criminosos”, afirma Anselmo.

SEGURANÇA EM SANTA LUZIA
Ainda segundo o militar, assim que assumiu o comando, buscou uma parceria com a prefeitura para reativar os Portais da cidade. “Era um espaço degradado, abandonado. Depois dessa revitalização por parte da prefeitura e a ocupação da PM e da Guarda Municipal nós estamos colhendo frutos positivos com relação a sensação de segurança do povo luziense”, disse.
Sobre as redes de segurança, que são integradas à PM e fazem um elo entre moradores, comerciantes e sitiantes, o Coronel garante que funciona de forma satisfatória em Santa Luzia. “Temos várias redes. A de comerciantes protegidos, vizinhos protegidos e a de sitiantes protegidos, que inclusive, é referência no Brasil. Sem dúvida, é uma ferramenta que nos traz notícias online e ajuda bastante no combate à criminalidade”, destaca o coronel.
ÍNDICES DE CRIMINALIDADE
Quanto aos índices de criminalidade na cidade, de uma forma geral, o comandante garante que as estatísticas apontam uma redução. ” Esse ano, em comparação a 2015, estamos com redução de mais de 30% nos homicídios consumados aqui na cidade. É um trabalho em parceria com a Polícia Civil na cidade”. Com relação aos roubos, Anselmo comentou que existe também uma tendência de queda. Principalmente nos meses de novembro e dezembro tivemos uma redução de mais de 10% se comparado com o ano anterior. A tendência é reduzirmos ainda mais esses números, através de operações policiais como as blitzen nos portais, abordando condutores de carros, motocicletas e até mesmo nos coletivos”, alerta.
SENSAÇÃO DE IMPUNIDADE
Infelizmente como acontece em todo o país, devido às brechas das Leis, as ocorrências envolvendo menores são constantes, como cita o militar. “Temos aqui na cidade uma turma de menores infratores contumazes e reincidentes que aproveitam da situação para praticarem os crimes. Muitos são apreendidos, mas acabam nas ruas novamente”, lamenta.
PARCERIA COM O EXECUTIVO
Temos uma parceria com a Prefeitura de Santa Luzia, através da Guarda Municipal.Trabalhamos em conjunto nos três portais da cidade. Atualmente o novo secretário de segurança pública de Santa Luzia, Denílson Martins, nos procurou para reafirmar, inclusive, essa parceria”, finaliza.

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...