quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Veja como proceder em caso de roubo, furto ou perda de documentos


Polícia Militar instrui que a pessoa registre boletim de ocorrência.
Vítima também pode fazer contato com 'achados e perdidos'.

Mais de 15 mil documentos perdidos foram cadastrados nos Correios de Belo Horizonte, neste ano. Documentos perdidos, roubados ou furtados como carteira de identidade, CPF ou folhas de talão de cheque podem virar uma dor de cabeça.
Com relação à perda de documentos, a primeira orientação é procurar qualquer posto da Polícia Militar e comunicar a perda ou extravio de documentos. A não realização do boletim pode acarretar a práticas erradas como estelionato e o verdadeiro dono, sem ter comunicado aos órgãos a perda, não tem nenhuma forma de demonstrar que não é culpado caso haja um possível crime.
Além disso, no caso de perda, roubo ou extravio, é importante que a pessoa faça contato com o "achados e perdidos" da rodoviária ou dos Correios.
Se alguém encontra um documento nas ruas, pode entregar nos Correios, na rodoviária ou a qualquer policial militar, que dará encaminhamento aos achados e perdidos.
Muitas pessoas desconhecem, mas nas delegacias o cidadão pode fazer o boletim de ocorrência numa delegacia virtual, com acesso por meio do endereço eletrônico da delegacia.
O registro de ocorrências virtual é feito por meio do preenchimento de formulários que são apresentados na tela. Após o envio dos dados ao sistema, a ocorrência passa por uma triagem. Em até 15 minutos é emitida uma mensagem, informando o número do registro de evento de Defesa Social, bem como a forma de acessá-lo no site do Sistema Integrado de Defesa Social (Sids), para imprimi-lo.

NOTÍCIA DO PAGAMENTO, OU FALTA DELE

Prezados Policiais Militares, Após permanente contato com a Secretaria da Fazenda na data de hoje, fomos comunicados neste momento que o ...