quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Mulher é presa ao tentar dar golpe

Flagrante.

Suspeita utilizava documentos falsos de funcionários da Prefeitura de Betim; Polícia Civil investiga a participação de outras quatro pessoas no crime

Uma mulher de 44 anos foi presa em flagrante pela Polícia Civil na tarde dessa terça-feira (23), no momento em que tentava aplicar um golpe de estelionato em uma empresa de empréstimos afiliada da Caixa Econômica Federal, no centro de Betim, na região metropolitana. A suspeita usava documentos de funcionários da prefeitura na hora em que foi abordada. 
De acordo com o delegado Álvaro Huertas, responsável pela prisão, Maria Aparecida Garcia Simões de Oliveira estava com um documento falso. “Ela foi presa quando tentava pegar emprestado R$ 72 mil utilizando documentos falsificados de uma médica”.
Ainda conforme o delegado, na última segunda-feira, 22, Maria Aparecida conseguiu fazer um empréstimo no valor de R$ 75 mil. “Em depoimento, ela contou que receberia R$ 6.000 pelo serviço que teria sido encomendado por um homem chamado Cristiano. Além dele, ela citou o nome de outros dois comparsas, que estão sendo investigados”, explicou.
 
Outros crimes
 
A polícia descobriu também que Maria Aparecida e os homens, que ainda não foram localizados, já haviam sido presos outras duas vezes pelo mesmo crime. “Eles já haviam aplicado o mesmo golpe em Lagoa Santa e Governador Valadares, em 2012”, disse o delegado. A mulher foi presa pelos crimes de estelionato e associação criminosa. 

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...