terça-feira, 2 de agosto de 2016

É inadmissível que os Cmts, Geral e de unidades, ainda não se posicionaram contra isso!