quinta-feira, 7 de julho de 2016

Jovem é baleado em abordagem policial em Vespasiano


Segundo o boletim da Polícia Militar, o rapaz teria feito menção de colocar a mão na cintura e o tiro foi para defender a guarnição; vizinhos dizem que vítima não tem envolvimento com crimes

Uma abordagem policial acabou com um jovem de 23 anos baleado, na madrugada desta quinta-feira (7), em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte.
De acordo com os dados do boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), os policiais foram à rua Sete, no bairro Mangabeiras, após receberem uma denúncia de que quatro homens estavam traficando drogas. Ao chegar no local indicado, os militares avistaram quatro rapazes e saiu correndo, quando viu a viatura. Durante a fuga, ele teria atirado contra os policiais, mas ninguém se feriu.
Aos outros três, os militares teriam dado a ordem de que eles colocassem as mãos na cabeça. Neste momento, de acordo com a versão da PM, o rapaz de 23 anos, teria desobedecido e levado uma das mãos à cintura. Vislumbrando a possibilidade de ele sacar uma arma e atirar contra os policiais, um dos militar se antecipou, atirando contra o jovem, acertando a região do peito, do lado direito.

Quando ele caiu, os policiais viram que na cintura dele havia um rádio. O rapaz foi socorrido pelos policiais para o Hospital Risoleta Tolentino Neves, onde, segundo a assessoria da unidade, passou por cirurgia e segue internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI), em estado grave.
Os policiais apreenderam uma arma, perto de um lixão, que seria o revólver usado pelo homem que conseguiu fugir e atirou.
O local, ainda segundo a PM, é conhecido pela criminalidade. Contudo, vizinhos da vítima alegam que ele não tem envolvimento com crimes e que teria tomado o tiro de graça. 

Comerciante flagra furto e passa coordenadas para PM pelo WhatsApp

O homem estava em um grupo da Rede de Comerciantes Protegidos, que conta com donos de lojas e policiais do 1º batalhão