terça-feira, 12 de abril de 2016

Jovem que fazia armas em casa alega que pretendia ajudar filho com microcefalia Ele alegou que usaria o dinheiro para cuidar da criança, que tem três anos


A Polícia Militar de Minas Gerais descobriu uma casa que funcionava como fábrica de armas na madrugada desta terça-feira (12), na região de Venda Nova, em Belo Horizonte. Walter Rodrigues Júnior, de 25 anos, que estava no imóvel, foi detido em flagrante. Ele confessou ser dono dos materiais encontrados. 
Na casa, os militares apreenderam uma furadeira, máquina de solda, ferragens, um cilindro e outros objetos usados para a produção do armamento caseiro.
A PM chegou ao local após receber uma denúncia anônima de que o suspeito fabricava e vendia as armas na região. Além disso, foi encontrada uma espingarda. Júnior alegou que ela estava sendo adaptada para o calibre .22. Uma submetralhadora 9 mm feita por ele também foi recolhida.
O rapaz explicou que aprendeu na internet como fabricar as armas. Ele explicou que está desempregado e usaria o dinheiro arrecadado com as vendas para o tratamento do filho de três anos, que tem microcefalia. A polícia agora vai investigar para quem as armas seriam repassadas. 

Dupla rouba carro e bate em viatura em praça do Coração Eucarístico

O veículo foi tomado de assalto no bairro Alípio de Melo, mas os suspeitos foram surpreendidos por uma viatura, tendo início uma perseguiç...