segunda-feira, 25 de abril de 2016

Criança é libertada após ser mantida refém pela tia em Uberaba Menino foi encaminhado para UPA; tia será levada para a delegacia. Mãe foi quem acionou a PM; caso aconteceu nesta segunda-feira (25).

criança refém cárcere Uberaba resgate (Foto: Reprodução/ TV Integração)
O menino de cinco anos que foi feito refém pela própria tia em Uberaba, na manhã desta segunda-feira (25), foi libertado depois de quatro horas. Ele estava trancado dentro de uma residência, no Bairro Jardim Uberaba. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a criança foi levada pelo Corpo de Bombeiros até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque do Mirante. Já a tia da criança, de 21 anos, foi conduzida pela PM até a UPA São Benedito e, em seguida, será levada para a delegacia.
Ainda de acordo com a polícia, a ocorrência começou por volta das 7h, após uma discussão entre a mãe da criança e a irmã. Assim que o garoto foi mantido refém pela tia, a mãe dele imediatamente chamou a PM. 
A área, situada na Rua Enéas Guerra Terra, ficou isolada até a libertação da vítima. A negociação durou cerca de três horas. Equipes do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), da 5ª Companhia de Missões Especiais, e do Corpo de Bombeiros estiveram no local durante a ocorrência. 
“Nós fizemos um trabalho de negociação com a tia do garoto. Através de um processo de convencimento, conseguimos fazer com que ela entregasse a criança e saísse do imóvel. A briga teria sido motiva por atritos familiares. A tia estava com falas desconexas e não conseguia estabelecer uma linha de raciocínio com a realidade. Em alguns momento, ela falava que tinham cinco reféns lá dentro e foi muito difícil, pois o raciocínio dela não estava lógico", contou o tenente George Brito.
Criança refém em Uberaba (Foto: Mário Sérgio Santos/G1)Criança foi liberada e tia foi encaminhada
para delegacia (Foto: Mário Sérgio Santos/G1)
A hipótese da tia ter dado algum medicamento para o menino, que estava bem sonolento, não foi descartada, contou o tenente. Os bombeiros disseram que, após a libertação, o menino foi levado para atendimento na UPA. Ele passa bem.
Familiares da vítima disseram à polícia que a jovem é ex-usuária de drogas e sofre com surtos psicóticos. Ela pode ser indiciada por cárcere privado. Os pais do menino não quiseram dar entrevista ao G1

Convocação dos excedentes do CFS 2017 - PMMG

Excelentíssimo Senhor Governador do Estado de Minas Gerais. Nós, candidatos ao Curso de Formação de Sargentos da Polícia Militar de M...