quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Caso é investigado pelos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. Autuação da namorada do suspeito seria a causa do incidente.



Um sargento da Polícia Militar de Muzambinho (MG) teria sido atacado por um policial civil na tarde desta terça-feira (3) no Centro da cidade. Segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, o militar disse ter sofrido uma tentativa de atropelamento e ameaça de morte enquanto fazia uma blitz. A autuação da namorada do policial civil durante a fiscalização no trânsito teria motivado o desentendimento.
A PM informou que, antes do incidente, o sargento multou uma motorista que estava sem cinto de segurança. Momentos depois, a mulher voltou acompanhada do namorado, um policial civil de 42 anos, que dirigia um carro prata. Ainda no veículo, estaria outro policial civil, de 38 anos.
Conforme o relato da vítima, o carro entrou no local da blitz em alta velocidade e foi em direção ao sargento. O motorista ainda teria insinuado que atiraria contra a vítima. A polícia não confirmou se houve algum tiro.
A vítima, suspeito e testemunhas começaram a ser ouvidos na manhã desta quarta-feira (4) na Delegacia de Muzambinho. Até esta publicação, ninguém havia sido preso.
Do G1 Sul de Minas

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...