quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Justiça determina prisão preventiva de motorista que matou seis pessoas atropeladas


Acidente aconteceu na sexta-feira (16), em Belo Oriente, no Vale do Rio Doce


O motorista Newton Paiva, que matou seis pessoas atropeladas em Belo Oriente, no Vale do Rio Doce, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. A informação foi confirmada pelo delegado que investiga o caso, Thiago Alves Henriques, por meio da assessoria de imprensa da Polícia Civil nesta quarta-feira (21). Paiva é ex-secretário de obras do município. O acidente aconteceu na última sexta-feira (16).
Até o momento, 13 pessoas já foram ouvidas. O delegado ressalta que a determinação judicial saiu na última terça-feira (20) e, desde então, o condutor é considerado foragido. Foram feitas buscas, mas, até o momento, ele não foi localizado.
Lembre o caso
As vítimas estavam às margens da LMG-758. Além dos mortos, outras seis pessoas ficaram feridas e foram socorridas para hospitais da região.De acordo com a PM (Polícia Militar), uma testemunha relatou que na altura do km 63, o veículo modelo Ford Fusion tentou realizar uma ultrapassagem e acabou atingindo o grupo. Em seguida, o carro colidiu com uma árvore. Paiva fugiu após a batida.
R7MG

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...