domingo, 28 de dezembro de 2014

Suspeitos de 'arrastão' durante show sertanejo em Patrocínio são detidos

                          


Cinco suspeitos de furtarem dezenas de celulares em Patrocínio, no Alto Paranaíba, durante um show sertanejo neste sábado (27), foram detidos em Araguari neste domingo (28). De acordo com a Polícia Militar, os jovens, entre eles uma mulher, foram encontrados após rastreamento de um dos equipamentos. A suspeita da PM é que eles iriam cometer o mesmo crime na cidade durante a noite. A reportagem do G1 entrou em contato pela internet com um dos organizadores da festa para saber sobre a segurança no local, mas não obteve retorno.
O evento aconteceu no Parque de Exposições de Patrocínio. Segundo a PM, pelo menos 12 registros de Boletim de Ocorrência relacionados a furtos de celulares foram feitos no batalhão da cidade. Em uma página do show no facebook, muitas vítimas relataram o fato e descreveram que eram sempre os mesmos envolvidos.De acordo com a PM de Patrocínio, as vítimas devem procurar nesta segunda-feira (29) o batalhão para fazer o Boletim de Ocorrências e, em seguida, a delegacia em Araguari para identificar os equipamentos. É necessário levar documentos e nota fiscal.Na tarde deste domingo (28), a PM de Araguari encontrou cinco suspeitos hospedados em um hotel da cidade. Eles foram rastreados por meio de um dos celulares furtados. Com eles foram apreendidos cerca de 23 equipamentos, além de R$ 1.970 em dinheiro. Até o início da noite, a ocorrência estava em andamento e não foi possível saber de qual cidade são os envolvidos e mais detalhes sobre o fato. Um carro que estava com os jovens foi apreendido. A suspeita é que os criminosos iriam cometer novos furtos em um show da mesma dupla, que acontece durante a noite em Araguari.
Furtos durante o show
Uma das vítimas, que não quis se identificar, disse que o aparelho telefônico foi furtado de dentro da bolsa. “Foi muito estranho, eles pegavam os celulares e ninguém percebia. Minha bolsa fechada com zíper, eles simplesmente abriram e pegaram. Essas pessoas são boas nisso, porque eu nem vi”, disse.
Ainda segundo a vítima, após o fato, uma pessoa que estava perto reconheceu o suspeito e eles o perseguiram. “Começamos a andar atrás dele e observar. A gente viu ele tentando pegar de outra moça, mas ela puxou a bolsa. Fomos até a PM e comunicamos o acontecido. Nisso, a polícia fez a abordagem, mas não encontraram nada com ele, deve que já havia passado para outra pessoa”, acrescentou.
Ela disse também que outros 12 amigos tiveram celulares furtados. “Diante de tudo isso, fico com um sentimento de falta de respeito, por parte dos organizadores da festa, um evento nesse tamanho e ter um arrastão assim”, finalizou.
Por: G1

Dupla rouba carro e bate em viatura em praça do Coração Eucarístico

O veículo foi tomado de assalto no bairro Alípio de Melo, mas os suspeitos foram surpreendidos por uma viatura, tendo início uma perseguiç...