segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Médico da UAI Roosevelt é preso suspeito de estuprar paciente

                              


Um médico da Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Bairro Roosevelt, em Uberlândia, foi preso na noite deste sábado (20), suspeito de ter estuprado uma paciente de 18 anos.
O advogado da vítima, Dr. Daniel, participou ao vivo do programa Chumbo Grosso, da TV Vitoriosa desta segunda, 22. Ele informou que a condução do exame feito na vítima teria fugido ao protocolo de avaliação clínica, por ter sido feito sem o uso de luvas. A jovem procurou o atendimento médico devido a dores na região do abdômen.
A vítima informou que o médico introduziu o dedo em seu ânus, e logo depois em sua vagina, mesmo ela tendo se queixado de dor por o médico estar sem luvas, ele teria feito uma gracinha e prosseguido. O médico teria repetido o exame com a vítima de pé ao seu lado.
Segundo o advogado Daniel, não foi feito exame de corpo de delito, pois não houve conjunção carnal (pênis/vagina).
De acordo com o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar o médico clínico geral foi identificado como Leonardo Francisco da Costa. Ele foi preso em flagrante, e está no presídio Professor Jaci de Assis.
Em nota oficial, a Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde informa que, ao tomar conhecimento dos fatos, providenciou o imediato afastamento do referido profissional e já providenciou a comunicação do ocorrido ao Conselho Regional de Medicina (CRMMG). Agora irá aguardar as investigações da polícia para que sejam tomadas as medidas legais cabíveis, referente ao contrato de trabalho do médico.
Por:Uipi 

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...