quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Marceneiro pego com revólver depois de ameaçar mecânico em Uberaba

                                       



O torneiro mecânico G.M.C., 26 anos, procurou a Polícia Militar na noite de terça-feira (9) e relatou que vem sendo ameaçado de morte, por meio de mensagens da rede social WhatsApp, por um marceneiro. Ele chegou a receber áudio das ameaças. O acusado, o marceneiro C.S.R., 27, foi preso e teve uma das armas de fogo apreendida.
De acordo com a vítima, desde o último dia 5 vem recebendo ligações em seu celular através das quais o marceneiro ameaça matá-lo, juntamente com sua namorada. O autor chegou a enviar áudios das ameaças e fotos das armas de fogo que seriam usadas no crime. Diante da informação e das características do autor, por volta de 23h de terça-feira, uma guarnição da 41ª Companhia/4º BPM se deparou com o suspeito em um VW Saveiro, cor prata, placas EFX-6632/Uberaba, pela avenida Deputado José Marcus Cherém.
Após abordagem e vistoria no veículo, foi localizado no encosto do banco do passageiro um revólver calibre 38, com seis cartuchos intactos. Ao ser questionado sobre o restante das armas que consta nas fotos, o marceneiro disse que não poderia informar por temer por sua vida, pois, caso entregasse, “os outros membros do grupo o matariam”.
O veículo foi apreendido e o autor levado, com a arma de fogo, e apresentado à autoridade policial de plantão na 1ª DRPC/5º DPC-MG, que ratificou a prisão em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. O marceneiro foi encaminhado à penitenciária estadual em Uberaba.
Por : Carlos Paiva 

Dez pessoas são presas durante operação de combate à criminalidade no Vale do Mucuri

Pelo menos dez pessoas foram presas, nesta sexta-feira (17), durante operação de combate à criminalidade no município de Malacacheta, no V...