sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Após acidente, motorista é preso por embriaguez, injúria racial e desacato

                 


Um homem de 34 anos teve um "ataque de fúria" e foi preso por embriaguez ao volante, injúria racial e desacato à autoridade na noite desta quinta-feira (25) em Machado (MG). Segundo a Polícia Militar, o motorista se envolveu em um acidente de trânsito na Avenida Doutor Athaíde Pereira de Souza ao bater o carro dele em outro veículo.
Ainda de acordo com a PM, o condutor do outro carro alegou que o homem estava em alta velocidade e sem controle do veículo quando causou o acidente. Ao chegar ao local, os policiais se depararam com o motorista ofendendo com injúrias raciais uma mulher negra que tentava ajudar os envolvidos no acidente. 
Conforme a PM, a mulher do motorista teria confirmado que eles ingeriram bebidas alcoólicas e que pouco antes do acidente eles discutiam pela guarda do filho. O homem se recusou a fazer o teste do bafômetro e foi preso. Na cadeia, ele passou a ameaçar e insultar os militares. A mulher do motorista que foi detido sofreu ferimentos leves e foi levada para o pronto-socorro. Os outros envolvidos no acidente não ficaram feridos.
Por:G1

Convocação dos excedentes do CFS 2017 - PMMG

Excelentíssimo Senhor Governador do Estado de Minas Gerais. Nós, candidatos ao Curso de Formação de Sargentos da Polícia Militar de M...